sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Programação do IV Festival Nacional de Teatro Universitário de Patos Minas

IV Festival Nacional de Teatro Universitário de Patos de Minas

Acesso aos espetáculos:
1kilo de alimento não perecível = INGRESSO
Participem!!!!

Troque seu material por um ingresso nos postos abaixo:

Água de Cheiro– Pátio Central Shopping
Núcleo de Arte e Cultura – UNIPAM (Rua Major Gote n°808-Bloco M - sala 104)
Teatro Municipal Leão de Formosa


Dia 12 de outubro – Quarta-feira

19:00h Teatro Municipal Abertura Oficial
19:30h Teatro Municipal “AS MELHORES HISTÓRIAS DE PINÓQUIO”
Infantil Censura: LIVRE
*Espetáculo não competitivo
Apoio: Centro Universitário de Patos de Minas
Acesso Gratuito
Grupo TUPAM Patos de Minas/MG
UNIPAM 60 min

Dia 13 de outubro – Quinta-feira

Horário Local Espetáculo Grupo Cidade/ Faculdade Duração
17:00 Praça do Coreto “RAPUNZEL”
Infantil Censura: LIVRE
*Espetáculo não competitivo
Apoio: Centro Universitário de Patos de Minas
Trupe de Truões Uberlândia/MG
UFU 45 min
18:30 SEST/SENAT Cod. 13 “OPERA DO MALANDRO”
Comédia Censura: 18 anos Dez Pras Duas Coletivo Teatral Rio de Janeiro– RJ
UniverCidade 1 h e 50 min
20:20 Discussões sobre o espetáculo apresentado
21:00

Teatro Municipal


“Intercambio de Ideias: Teatro Chileno e Teatro Brasileiro”

*Acesso Gratuito
Apoio: Centro Universitário de Patos de Minas

Grupo Lucidez Infante


Santiago / Chile
60 min


Dia 14 de outubro – Sexta-feira

07:00 h - Recepção dos grupos e credenciamento
07:30 ás 09:00 h - CAFÉ DA MANHÃ

Horário Local Espetáculo Grupo Cidade/ Faculdade Duração
09:00 h SEST SENAT Cod. 09 “O APOCALIPSE OU O CAPETA DE CARUARU”
Comédia Censura: LIVRE Grupo de Teatro do Largo São Paulo - SP
Fac. De Direiro do Largo de São Francisco / USP 1 h e 20min
10:20 h Discussões sobre o espetáculo apresentado
11:00 h Teatro Municipal Cod.29 “ELAS NUM TEMPO IRROMPIDO”
Drama Censura: LIVRE Coletivo Teatro da Margem Uberlândia-MG
UFU 50 min
11:50 h Discussões sobre o espetáculo apresentado

12:00 h
Centro Universitário

ALMOÇO
13:30 h SEST/SENAT Cod.16 “A CANTORA CARECA”
Comédia Censura: LIVRE Grupo Giz de Teatro Uberlândia-MG
UFU 60 min
14:30h Discussões sobre o espetáculo apresentado
15:00 h Teatro Municipal Cod. 05 “SUAVE [IN] PURA BRANCURA”
Drama Censura: Livre
Coletivo [Entre] Teatro Dança Contagem - BH
UFMG 50 min
15:50 h Discussões sobre o espetáculo apresentado
16:30 h Praça do Coreto Cod. 28 “AMOR POR ANEXINS”
Comédia Censura: LIVRE Grupo de Teatro Guará Goiânia – GO
PUC 40 min
17:10 h Discussões sobre o espetáculo apresentado
18:00 h LANCHE
19:00 h SEST/SENAT Cod.15 “O LENHADOR”
Comédia Censura: LIVRE Cia Espiral de Teatro Londrina - PR
UEL 55 min
19:55 h Discussões sobre o espetáculo
20:30h Teatro Municipal Cod. 08 “AS CRIADAS”
Drama Censura:16 anos
*Espetáculo não competitivo
Espetáculo vencedor do III Festival
Categoria Drama
Ingresso: 10,00
Cia teatral Confraria do Tambor Uberlândia – MG
UFU 1 hora e 10 min

Dia 15 de outubro– Sábado

07:30 às 9:00 h Centro Universitário CAFÉ DA MANHÃ
09:00h SEST/SENAT Cod. 23 “A VISITA DA VELHA SENHORA”
Comédia Censura: 14 anos TUM (Teatro Universitário de Maringá) Maringá – PR
Univ. Estadual Maringá 1h e 30 min
10:30 h Discussões sobre o espetáculo
11:10 h Teatro Municipal Cod.10 “A PERSEGUIÇÃO”
Drama Censura: LIVRE Teatro do Confim São Paulo – SP
UNESP 45 min
11:55 h Discussões sobre o espetáculo
12:00 h Sala do Centro Universitário
ALMOÇO
14:00 h SEST/SENAT Cod. 17 “MURRO EM PONTA DE FACA”
Drama Censura: 12 anos Contra-Censo Curitiba-PR
Univ Federal do Paraná 1:20 min
15:20 h Discussões sobre o espetáculo
16:00 h Teatro Municipal Cod.03 “CACO - Possível Produção de Memória para o espaço da casa”
Drama Censura:16 anos Miúda Rio de Janeiro-RJ
UFRJ 1 h e 10min
17:10 h Discussões sobre o espetáculo
17:30 h Hall de Entrada
do SEST/SENAT CONTAÇÃO DE HISTORIAS
Censura: Livre
Mostra Grupo Companhia da Dita Santana de Parnaíba - SP
UNESP/SP
45 min
18:00 h Centro Universitário
LANCHE
19:00 h SEST/SENAT Cod. 01 ``S``
Drama Censura: 16 anos Grupo Aberratio Rio de Janeiro-RJ
UNIRIO 1h e 15 min
20:15 h Discussões sobre o espetáculo
21:00 h Teatro Municipal
Cod.02 “O ENCONTRO DAS ÁGUAS”
Drama Censura: 14 anos
Cia Teatral Vernáculo Salto – SP
CEUNSP 1 h e 15 min
22:15min Discussões sobre o espetáculo

Dia 16 de outubro – Domingo

07:30 às 9:00 Centro Universitário
CAFÉ DA MANHÃ
09:00 Teatro Municipal Cod. 21 “CINCO OU SEIS COISAS QUE SEI”
DRAMA CENSURA: LIVRE Grupo Pé Sujo Furb – Universidade de Blumenau 45 min
09:45 Discussões sobre o espetáculo
10:30 SEST/SENAT Cod. 07 “CLOWN OU PALHAÇO SE PREFERIR...COMO TE GUSTA?”
Comédia Censura: LIVRE NUTRA Teatro Brasília-DF
UNB 40 min
11:10h Discussões sobre o espetáculo
11:30 Centro Universitário
ALMOÇO
13:30 h Teatro Municipal Cod.19 “DEUS E O DIABO NA TERRA DO SOL”
Drama Censura: 16 anos Cia Provisória Rio de Janeiro-RJ
Unirio 1 h e 10 min
14:40 h Discussões sobre o espetáculo
15:30h SEST/SENAT Cod.14 “O FEITIÇO”
Comédia Censura: LIVRE Autônomos de Teatro Uberlândia-MG
UFU 60 min
16:30 h Discussões sobre o espetáculo
17:00 h LANCHE
18:00 h Teatro Municipal Cod.11 “A CARTOMANTE”
Drama Censura: 12 anos Liquidificador Brasília-DF
UNB 1h e 20 min
19:20 h Discussões sobre o espetáculo
19:30
Praça do Coreto “O VAQUEIRO QUE NÃO SABIA MENTIR”
Censura LIVRE
*Espetáculo não competitivo Cutucurim Angra dos Reis - RJ 60 min
21:00 h PREMIAÇÃO
Sucessos aos organizadores do evento!!!

domingo, 18 de setembro de 2011

III ART MOR - JORNADA CULTURAL

A Prefeitura Municipal de Guarda-Mor por meio da Casa de Cultura começou  no dia 15/09 a realização da III Jornada Cultural com o tema "Quando a minha história conta a história de todos". No dia 15/09 realizou a visita guiada na Fazenda Conceição (tombamento histórico Municipal) de propriedade do Sr. José Filho, com os alunos da Escola Municipal Dorotéa Borges Novelino do 5º ano fundamental com saída ás 07h30min da manhã para os alunos do matutino e às 12h30min com os alunos do vespertino com a finalidade de valorização e conhecimento dos bens móveis tombados do município. No dia 18(sábado) houve uma belíssima exposição de artesanato regional.
As artesãs foram:
Equipe do Crass:
*Maria Madalena, Deisiane, Maria de Fátima, Maria Jordão, Ione Maria com a supervisão da facilitadora Profa. Luciene Marques.
Tivemos também como expositoras dos seus trabalhos as artesãs:
Arlene Dias, Cleide Zacarias, Silvania Cardoso e suas filhas Daniela e Rafaela, Kátia Corrêa, Rubia Adriana, Silvania Corrêa (Vaninha do Batista), Divina Assunção  e a artesã Valdeci do município de Paracatu/MG.



Na parte da tarde tivemos apresentação da Folia de Reis Municipal e a noite espetáculo dançante apresentado pelas escolas: Escola Municipal Dorotéa Borges Novelino, Escola Municipal Dr. Sérgio Ulhôa, Escola Estadual Dr. Antonio Ribeiro e marcou presença a academia Podium Vida.Os artistas da terra cantaram e encantaram  o evento  demonstrando os seus talentos musicais.
Aos organizadores e participantes parabéns pela iniciativa cultural.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Até que, enfim, tomaram providência!!!!!!

Projeto de Lei 267/11
A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 267/11, da deputada Cida Borghetti (PP-PR), que estabelece punições para estudantes que desrespeitarem professores ou violarem regras éticas e de comportamento de instituições de ensino.Em caso de descumprimento, o estudante infrator ficará sujeito a suspensão e, na hipótese de reincidência grave, encaminhamento à autoridade judiciária competente.A proposta muda o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei 8.069/90) para incluir o respeito aos códigos de ética e de conduta como responsabilidade e dever da criança e do adolescente na condição de estudante. De acordo com a autora, a indisciplina em sala de aula tornou-se algo rotineiro nas escolas brasileiras e o número de casos de violência contra professores aumenta assustadoramente. Ela diz que, além dos episódios de violência física contra os educadores, há casos de agressões verbais, que, em muitos casos, acabam sem punição.O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Fonte:http://primasfalando.blogspot.com/2011/04/camara-analisa-projeto-de-lei-que-pune.html
Por favor copie e cole e repasse esta novidade em apoio aos Professores.



terça-feira, 6 de setembro de 2011

IV Festival Nacional de Teatro Universitário de Patos de Minas

O IV Festival Nacional de Teatro Universitário de Patos de Minas divulga peças selecionadas. Serão
18 espetáculos que foram  selecionados e concorrem a prêmios que totalizam R$6,00 mil. Quarenta espetáculos vindos de vários estados brasileiros se inscreveram para participar do IV FESTIVAL NACIONAL DE TEATRO UNIVERSITÁRIO DE PATOS DE MINAS. Foram várias propostas teatrais com uma linguagem definida, comprometimento com a arte de grandes universidades dos estados do Paraná, Santa Catarina, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Sergipe, Bahia, Goiás e Distrito Federal.
A abertura do evento acontece no dia 12 de outubro com o grupo TUPAM (Teatro Universitário de Patos de Minas), apresentando “As melhores histórias de Pinóquio”- direção de Consuelo Nepomuceno.

Dia 13 de outubro temos ilustres e especiais convidados pertencentes à compañía de teatro, creada en la ciudad de Santiago de Chile el año 2005, por actores egresados de la Universidad de las Artes y Ciencias Sociales ARCIS. “LUCIDEZ INFANTE” apresentará “Felicidad”.
Ainda no dia 13 de outubro, participando como mostra teatral, a Trupe de truões de Uberlândia apresenta: Rapunzel, um espetáculo de rua lindíssimo.
“AS CRIADAS” que recebeu o prêmio de “Melhor Espetáculo - drama” no III Festival se apresenta no dia 14 de outubro em horário nobre.


Grupos Selecionados

1- Cia. Teatral Vernáculo “O Encontro das Águas” CEUNSP/SP Drama

2- Grupo Aberratio “S” UNIRIO/RJ Drama

3- Grupo Miúda “CACO – Possível produção de memória para o espaço da casa” UFRJ/RJ Drama

4- Grupo Coletivo [entre]Teatro Dança “Suave [In] Pura brancura” UFMG/MG Drama

5- Grupo Teatro do Confim “A Perseguição” UNESP/SP Drama

6- Grupo Liquidificador “A Cartomante” UnB/DF Drama

7- Cia. Provisória “Deus e o Diabo na terra do Sol” UNIRIO/RJ Drama

8- Grupo Pé Sujo “Cinco ou seis coisas que sei” Universidade Regional de Blumenau/SC Drama

9- Grupo Coletivo Teatro da Margem “Elas num tempo irrompido” UFU/MG Drama

10- Grupo Contra-senso “Murro em ponta de faca” UFPR Drama

11- Grupo Dez Pras Duas Coletivo Teatral “Ópera do Malandro” UniverCidade – Unidade Ipanema Comédia

12- Cia. Espiral de Teatro “O Lenhador” UFL/PR Comédia

13- Grupo Giz de Teatro “A Cantora Careca” UFU/MG Comédia

14- Grupo TUM – Teatro Universitário de Maringá “A Visita da Velha Senhora” Universidade Estadual de Maringá/PR Comédia

15- Grupo NUTRA Teatro “Clown ou Palhaços se Preferir... como te gusta?” UnB/DF Comédia

16- Grupo de Teatro Guará “Amor por Anexins” PUC- Goiás Comédia

17- Grupo de Teatro do Largo “O Apocalipse ou o Capeta de Caruaru” Faculdade de Direito do Largo de São Francisco/USP Comédia

18- Grupo Autônomos de Teatro “O Feitiço” UFU/MG Comédia Infantil



sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Importância do cafezinho e do Professor.

Todo respeito com a categoria! Sou professora também.
Dois leões fugiram do Jardim Zoológico.

Na fuga, cada um tomou um rumo diferente. Um dos leões foi para as matas e o outro foi para o centro da cidade. Procuraram os leões por todo o lado, mas ninguém os encontrou.

Depois de um mês, para surpresa geral, o leão que voltou foi justamente o que fugira para as matas. Voltou magro, faminto, alquebrado. Assim, o leão foi reconduzido a sua jaula.

Passaram-se oito meses e ninguém mais se lembrou do leão que fugira para o centro da cidade, quando um dia, o bicho foi recapturado. E voltou ao Jardim Zoológico gordo, sadio, vendendo saúde.

Mal ficaram juntos de novo, o leão que fugira para a floresta perguntou ao colega:

- Como é que conseguiste ficar na cidade esse tempo todo e ainda voltar com saúde? Eu, que fugi para a mata, tive que voltar, porque quase não encontrava o que comer ... !!!

O outro leão então explicou:

- Enchi-me de coragem e fui esconder-me numa repartição pública. Cada dia comia um funcionário e ninguém dava por falta dele.

- E por que voltaste então para cá? Tinham acabado os funcionários?

- Nada disso. Funcionário público é coisa que nunca se acaba. É que eu cometi um erro gravíssimo. Tinha comido o diretor geral, dois superintendentes, cinco adjuntos, três coordenadores, dez assessores, doze chefes de seção, quinze chefes de divisão, várias secretárias, dezenas de funcionários e ninguém deu por falta deles! Mas, no dia em que eu comi o que servia o cafezinho... Estraguei tudo!!!

Experimenta tambem comer professor para ver quanta gente vai gritar!!!

Não por sentir falta ou gostar de algum professor, muito pelo contrário, mas por não ter quem fique com as crianças !!!!!!!!!!!
Autor desconhecido.